domingo, julho 15, 2007

De Pedras Negras a Calhaus Pretos - O fim de um ciclo


Não há mal que sempre dure, nem bem que nunca acabe. Não podia estar mais de acordo, depois de ter este fim-de-semana terminado um ciclo de 7 anos de relação com o Alentejo.


Começou em 2001 a minha constante presença no Monte Alentejano de um grande amigo. Ao longo dos anos construí um sentimento com a região (que já vinha desde pequeno) e acima de tudo com o monte que sempre apelidei, junto daqueles que me conhecem, como um dos melhores locais para descansar que tinha conhecido.


Por diversas variáveis, não relevantes para este post, este fim-de-semana foi o último lá. Daqui para a frente terei de encontrar outro local para tentar recuperar do ritmo semanal. Será de certeza na companhia destes meus amigos (carinhosamente chamados de estalajadeiros) algures em Portugal ou no mundo.


Fica aqui uma foto que ilustra a beleza deste local.


Obrigado.

1 Comments:

Blogger Patixa said...

Não há nada como o belo Alentejo para descansar do stress da semana. Há uns aninhos atrás ia lá todos os fins-de-semana (sabia tão bem), agora vou cada vez menos...
Mas o importante é estarmos sempre em boa companhia!

Bjos

10:06 da tarde  

Enviar um comentário

Direccione-me

Criar uma hiperligação

<< Home