segunda-feira, dezembro 04, 2006

Remunerações da Profissão Publicitária

NOTA DE IMPRENSA

O Grupo Consultores lança o primeiro Estudo de Salários de Agências de Publicidade em Portugal

Pela primeira vez o mercado português dispõe de uma fonte fidedigna em matéria remunerativa que situa o salário bruto médio anual, analisados 21 postos de trabalho, nos 42.300 euros. Assim nos revela o Estudo de Salários de 2006, realizado pelo Grupo Consultores a partir dos dados declarados pelos 268 profissionais do sector pertencentes a 40 agências de publicidade.


Lisboa, 27 de Novembro de 2006


Trata-se da primeira edição de um Estudo onde o Grupo Consultores analisa as remunerações dos profissionais que trabalham nas agências de publicidade. Uma iniciativa que coloca à disposição das empresas uma ferramenta válida para a tomada de decisões em matéria salarial. É o estudo de salários e perfis mais completo realizado até ao momento entre os profissionais das Agências de Publicidade em Portugal.


Na edição deste ano participaram 268 profissionais que desenvolvem o seu trabalho em Lisboa e no Porto em mais de 40 Agências de Publicidade presentes em Portugal.

A recolha de informação realizou-se em duas fases durante os meses de Abril e Maio de 2006. A primeira parte da investigação realizou-se via online – aplicando a ferramenta test.com – a segunda, de seguimento, de recolha de informação e fecho, foi realizada por telefone, onde se aprofundou a análise.
Em ambas as fases foi aplicado um questionário de estrutura fechada elaborado e testado pela equipa de investigação do Grupo Consultores a nível internacional.


Os resultados oferecem conclusões interessantes. Entre elas destaca-se o seguinte:

· 63% dos entrevistados têm uma revisão salarial com carácter anual
(normalmente nos meses de Março e Abril)

· 34% dos profissionais das Agências, conta na sua remuneração com uma componente variável que ascende a 9.200 euros, e que acresce à componente fixa, por outro lado 80% manifesta dispor de remunerações não monetárias, tais como carro, formação, telemóvel, seguros, etc.

· O salário bruto total em termos médios, situa-se entre os 44.300 euros, para agências com mais de 50 empregados, e nos 41.300 euros para pequenas e médias agências. A diferença no salário médio, tendo em conta a dimensão da agência, não ultrapassa portanto os 3.000 euros.

· Esta diferença no salário médio aumenta relativamente aos quadros de direcção (postos ocupados por 72 profissionais entrevistados), salários que rondam em termos médios os 78.000 euros, sendo que, para os restantes profissionais se situa nos 29.100 euros (postos ocupados por 196 profissionais).

· 75% dos entrevistados têm formação universitária e 77% tem menos de 40 anos.


· Os postos analisados – desde o director geral à secretária de direcção, passando por todos os postos intermédios presentes numa agência – são ocupados em 54% dos casos por mulheres.

· A média da antiguidade no posto é de 5,6 anos e de 4,6 na agência.

· Quando questionados se uma mudança seria atractiva, a opção de mudança para outra agência de publicidade é a primeira alternativa para os profissionais entrevistados, seguida de uma mudança para o anunciante.


O Estudo de Salários cuja periodicidade será bienal, tem como objectivo servir de ajuda e referência, tanto em processos de revisão salarial como para novas contratações realizadas pelas agências.

Serve igualmente como modelo para o cálculo dos honorários a aplicar aos clientes em função do tempo que a equipa dedica na gestão da conta e do custo salarial que essa equipa representa.

É portanto, uma fonte fidedigna, que tem na sua base uma investigação rigorosa e fiável, assente sobre a garantia de absoluta confidencialidade, assegurando assim a exactidão da informação recolhida. Das conclusões da primeira edição ressalta a saúde de um sector que está a adquirir progressivamente uma maior profissionalização e importância, não só pelo que a actividade contribui para o PIB do país, mas também pela sua contribuição como indústria em matéria de emprego.

O Estudo de Salários das Agências de Publicidade já está disponível para as agências o subscreverem. Na opinião de Pedro Loureiro, responsável máximo do Grupo Consultores em Portugal, “Este Estudo vai criar um valor de referência no mercado português, tanto em matéria de novas contratações, bem como para o cálculo dos honorários aos clientes em função do tempo despendido pelos profissionais das agências aos anunciantes, tal como tem sucedido em outros países onde existem estudos similares”.


Para mais informação contactar com: ploureiro@grupoconsultores.com

––––––––––––

O Grupo Consultores é o principal especialista no mercado de agências que existe em Portugal e é propriedade dos sócios que trabalham na empresa, o que garante a total transparência na consultadoria e liberdade total de opinião. É formado por uma equipa de profissionais com um conhecimento directo da realidade de cada empresa, o que garante o rigor e profissionalismo em cada serviço que presta.

0 Comments:

Enviar um comentário

Direccione-me

Criar uma hiperligação

<< Home