domingo, janeiro 03, 2010

INP. 17 anos depois, a despedida.

Curioso começar 2010 com um primeiro Post sintomático da mudança da década que agora se iniciou.

Entrei no INP em 1993 como aluno, tendo em 1997 terminado o curso e sido convidado pelo saudoso Professor António Serrão para ser Assistente de Estudos de Mercado e Análise Multivariada, cadeiras na altura coordenadas por ele e leccionadas pela minha ex-professora e amiga Paula Lousão.

Em 2000 e após um período no estrangeiro regressei aquela que tinha sido a minha casa para leccionar na Pós-graduação de Marketing e Comunicação, assumindo logo de seguida a Coordenação de Publicidade, eixo nuclear da Licenciatura em Relações Públicas e Publicidade, ainda hoje o curso, a par de Turismo e Assessoria, com maior Notoriedade. Tinha a missão de continuar o trabalho de muitos anos da equipa da minha ex-professora Manuela Serrão.

Foram 10 anos - muitos alunos, muitas turmas, muitos projectos. Trabalhei com uma equipa de professores excelente e que sempre deram o seu máximo. Tínhamos a missão de devolver ao INP a credibilidade de outrora na vertente de Publicidade.

Conseguimos esse objectivo - Iniciámos este percurso com a vitória do Projecto Clio BY em 2002, reconhecida como a melhor campanha de publicidade desenvolvida num concurso com várias Universidades e agora em 2009 voltámos a dar cartas com o EDP University Challenge, também ganho com rasgados elogios ao trabalho dos alunos.

Foram dois expoentes máximos, mas não os únicos deste trabalho. A elevada taxa de empregabilidade na área, a quantidade de alunos hoje profissionais de reconhecida competência, as referências existentes constantemente referindo a qualidade e a actualização dos conteúdos, bem como a bibliografia produzida em autoria ou co-autoria, fazem destes tempos, tempos históricos na já longa vida desta Universidade.

Pelo meio assistimos a muitas mudanças: a compra por parte da Ensinus e mais tarde por parte da Lusófona. Desempenhei todos os cargos possiveis: Professor Assistente, Professor Coordenador, Administrador, Director de Marketing, Membro da Direcção. Vi as ameaças e as oportunidades. Lutei lado a lado com diversas pessoas pela marca, pela empresa e pela qualidade dos conteúdos leccionados, na busca de uma excelência que quase sempre foi conseguida.

Preparei e ajudei a preparar um largo conjunto de pessoas e profissionais, alguns deles hoje membros da equipa de Professores de Publicidade a quem agora passo o testemunho: António Silva Pires, José Dias, Henrique Areias, Pedro Trindade e Hugo Soares, juntamente com os diversos professores externos e convidados desta área, têm agora a missão de continuar e levar por diante o sonho de tornar o INP ainda mais credível e reconhecido nesta área da Comunicação de Marketing.

Da minha parte e na altura em que este caminho chega ao fim, depois de um longo período de vitórias e alegrias, mas também algumas derrotas e tristezas, resta-me agradecer:
1. A todos @s alun@s, sem excepção, que nas Licenciaturas, Mestrados, Pós-Graduações e Formações de Executivos ao longo destes anos me deixaram passar o conhecimento e experiência mas também me ensinaram, como eu os ensinei, tendo a consciência que dei sempre o melhor na sua formação. Hoje ainda os encontro com regularidade pelas empresas no nosso mercado e sei que em cada um está um amig@;
2. Aos colegas de equipa, acima referidos e aos que já não estão (Sara Souto, Luis Verissimo, Cristina Falcão, Manuel Pereira, Fernando B Gomes, entre outros) com quem partilhei as cadeiras leccionadas. Nem sempre estivémos de acordo mas o objectivo final sempre foi o mesmo;
3. À Direcção do INP - académica e de gestão - por terem sempre ouvido as nossas e as minhas sugestões e pedidos para melhorar a oferta formativa e os conteúdos leccionados. Hoje têm um eixo nuclear sólido e reconhecido. Apenas lhe devem dar seguimento no caminho há muito traçado. Assim o espero;
4. Aos parceiros do mercado que sempre acederam a tudo o que lhes solicitei: desde apoios a estágios, passagem de briefings ou seminários.

Por fim e não menos importante a quem ainda está: seja no 1º ou no 2º ciclo. Sei que ficam bem entregues e sei que terão toda a qualidade de formação que durante este tempo exigi a mim próprio e pedi aos meus pares para terem.

A estes que ainda ficam e que comigo estarão até ao fim do Semestre em Fevereiro sabem que mantenho a exigência, a dedicação e o profissionalismo na sua formação. A estes e aos outros que, não estando comigo mas que ainda estão em formação, sabem que a partir de 1 de Março a vida é diferente. Estarei sempre disponível mas apenas como amigo mais velho, talvez mais experiente, e não como professor. Essa função no INP termina aqui.

Sei que me vão perguntar o Porquê. Essa é a pergunta que para já fica sem resposta. Um dia quem sabe lá chegaremos... Fica muito por dizer, mas não é agora relevante. Relevante é seguir em frente e fazer melhor todos os dias.

Como qualquer treinador ou maestro que deixa a sua equipa ou orquestra a meio da temporada, voltar a treinar ou a dirigir neste campeonato ou temporada deverá ser dificil. Nunca sabemos quando outros treinadores ou maestros mudam. O futuro escrever-se-á dia-a-dia. Agora é tempo de descansar e focar nas temáticas das Tendências e Inovação que me pedem mais atenção. E muitas novidades vêm a caminho.

O Sol nasce todos os dias e para todos. A Vida é Bela, parafraseando o meu amigo António Quina. Assim vai continuar a ser. Só que agora sem o INP.

Obrigado e Até Sempre ou Até Já INP,
Luis Rasquilha

20 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Estou verdadeiramente triste! A maior estrela deixou de brilhar... Beijinho grande, mestre! Tania Simoes

5:41 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

A vida é feita de mudanças, boas, más, grandes ou pequenas, no fim o que importa é olhar para trás e saber q lutámos por nós e pelos nossos sonhos, que não deixámos que nada nem ninguém nos impedisse de seguir o nosso caminho. Foi preciso viver 29 anos para me "portar mal" numa sala de aula e ser chamada a atenção com o marcador voador. só tu! Escrevo-te porque ou passares na minha vida como professor e amigo deixaste a tua marca e devo agradecer-te por isso. Um mt obrigada por tudo e um excelente 2010 que começa com mudanças (s boas, más, grandes ou pequenas... só tu poderás avaliar. Bj grande e mt sucesso pessoal e profissional Pat

6:04 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Sem dúvida uma perda, não só para a instituição INP, mas também para todos os alunos que ainda lá estão, como eu...
Espero que o Sol brilhe ainda mais a partir de agora e como já me disse é nas situações de mudança/crise que se encontram as grandes oportunidades!
Sim, a Vida é Bela! ;)

Fábia Melo

6:07 da tarde  
Blogger * Raka * said...

A vida é feita de mudanças.. :) Boa Sorte Prof. rasquilha!

:)

Raka Dias Santos

7:31 da tarde  
Blogger Teresa said...

Luís, também para mim o INP estará sempre associado a ti, numa vertente de Marketing Relacional :o). E porque os relacionamentos se constroem ao longo do tempo, sempre na base da interacção e da confiança, não podia deixar de fazer uma pausa para te dizer que te desejo mais uma etapa de grandes sucessos. Afinal, nada que não estejas habituado a fazer... e eu a ver! O porquê da mudança não é o mais importante agora. Um grande 2010 para ti.
Beijinho.
Teresa Lopes

12:22 da manhã  
Blogger José Caria said...

Grande Mestre e Amigo,
Foi com grande pena que hoje li a notícia, mais agora que voltei ao INP e tive o privilégio de te reencontrar como professor no mstrado. Mas sei que o teu contributo vai continuar a ser sempre fundamental onde quer que estejas.
Um abraço amigo que também já tem quase 20 anos.
José Caria

11:31 da manhã  
Blogger Carlos Fernandes said...

Bem... sem palavras!

Realmente foi e é um enorme orgulho ter sido seu aluno e colaborador no INP. Pensar esta marca sem a sua presença, como deve advinhar, é-me muito difícil, até porque, das várias pessoas que passaram durante o curso do INP, o Rasquilha foi das que mais me marcou, sem dúvida!

Pensar que a cada visita que fazia na divulgação desta marca nas escolas o teu nome era cabeça de cartaz e que hoje já não o é... É para mim um grande desafio intelectual!

Sei e reforço, que sais porque és e estás em Grande e, como os melhores, se existe alguma altura para respirar e procurar novos portos, esta, sem dúvida, é a melhor altura.

ABRAÇO de alguém que teve a oportunidade de se formar e aprender (mesmo muito) contigo!

Temos que combinar um café... É importante não te perder o rasto :)!

11:35 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Bem, passou este a ser o muro das lamentações, dos agradecimentos, das homenagens que, a meu ver, tanto merece.
Não é novidade para si, nem para ninguém com quem já tenha falado em si, que é o melhor professor que já tive durante os meus, recentes, 30 anos. Passar conhecimentos, ensinar, falar da forma como o faz não é para todos. Aqui ficam os meus sinceros parabéns!
É com pesar que me despeço, mas com a esperança de que esta mudança seja para melhor, para si; sim, porque, para mim, enquanto aluna, é, sem duvida, uma perda muito grande, como acredito que seja para todo o INP.
Resta-me desejar-lhe a maior sorte para este novo caminho!

Di
P.s. Fica aqui um nome tão explicito como a dedicatória que me deixou no seu, que agora é meu, livro de publicidade:)
Boa sorte!

2:23 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Ainda estou em estado de choque! hoje quando soube desta triste novidade, não queria acreditar... repetindo algumas das palavras já ditas, o INP perderá um dos seus pilares, tenho muita pena, por todos os alunos que virão q cujo o seu curriculo não poderá ficar tão rico como o nosso... fica a curiosidade de saber o porquê...
se assim quiseram, que assim seja...a curto prazom saberão a desvalorização que a sua saída dará à nossa escola!
Por isso, que nesta nova página, encontre um novo rumo, sorridente e afortunado de novos projectos.
Um beijinhos muito grande
Carlampreia

10:52 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

É com profunda tristeza, que confirmo a noticia. Espero que 2010, lhe traga muito sucesso quer profissional, quer pessoal.

Só me resta aproveitar, tudo o que possa aprender até ao final deste semestre, com o Mestre da Publicidade!

Mas ao menos, poderei sempre afirmar que tive o Mestre da Publicidade como meu professor!

Aluna do 1º ano- 1º semestre

1:32 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Do pouco tempo em que assisti ás suas aulas inalteço a motivação empenho e dedicação com que nos brindou. A vida é feita de decisões e boas ou más todos temos que as tomar, pelo que embora triste, desejo-lhe as mais sinceras felicidades pessoais e profissionais. Um Abraço e até sempre. João Bibe - 1ºano RPP

10:09 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Ao fim de ...1..2...3...4!!!!!
4 mesinhos que passaram num instante! Não foram necessários sequer anos para perceber a pessoa que está diante de nós e a sua qualidade como profissional!
Não tenho conhecimento suficiente para saber se estaremos bem entregues ou não(espero vir a ter), mas a realidade é que perdemos um excelente professor! Espero que continue sempre com a força e a dedicação que nos mostrou nestres simples e pequenos 4 mesinhos!
Não é necessário se saber o porquê da saída porque para mim foi um prazer este semestre aprender com tanta intensidade uma cadeira que para si é de facto, um estilo de vida!

Felicidades na maior!

Filipa Almas 1ºano-RPP

11:21 da tarde  
Blogger Marco said...

É com alguma preocupação e tristeza que observo o INP desmoronar-se lentamente, são vários professores de excelência a abandonar, sabe-se lá porquê...
Só me resta desejar que corra tudo bem neste seu novo percurso, pois a vida não é mais nem menos que vários caminhos que temos que percorrer.
foi um prazer ter tido a oportunidade de ter assistido ás suas aulas ao longo da licenciatura (1º Turma Bolonha - Noite RPP).
Discordo com alguns colegas porque não penso que o INP perdeu, mas sim que ficou bastante mais pobre...
Abraço

2:59 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Desejo-lhe as maiores felicidades e que a Alegria e o Sucesso sejam uma realidade constante na sua vida. Dulcineia

1:49 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Várias vezes ao longo deste meu percurso pelo INP fui "obrigado" pelo professor Rasquilha a fazer comentários neste blog para ser avaliado sobre uma determinada temática... Hoje estou aqui não para ser avaliado mas sim para avaliar... avaliar o excelente trabalho que o professor desempenhou! A ajuda que nos deu! E principalmente o conhecimento que nos transmitiu!
É sem dúvida uma grande perda para o INP! As maiores felicidades! Um abraço... do Sr. Agente! ;)

4:12 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

"Não importa o tamanho da montanha, ela não tapa o Sol." Provérbio Chinês

TSantos

3:22 da manhã  
Blogger susanasantarita said...

Acabo de ler as suas palavras...e apenas me ocorre dizer que à medida que o fui conhecendo, embora reconhecendo alguns defeitos, a minha admiração é cada vez maior!
Obrigada!

7:20 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

É com tristeza que nos despedimos assim de um Professor que para nós, falando em nome do meu grupo, foi sem duvida um dos elementos chave para a descoberta da publicidade e da importância deste curso. E assim me despeço do Grande Professor Rasquilha em nome dos BESUNTAS. Aquele grupo que não mais pertence aos alunos mas sim aos amigos.
Com um comprimento e um obrigado em especial meu! E votos que venha dar uns tiros conosco!!
Um Abraço
José Henriques RPP 2ºano

2:19 da manhã  
Blogger João Pedro Duarte said...

Nunca na vida lhe pagarei o que fez por mim, quando os meus colegas me virara as costas, na altura em que mais precisei, a sua amizade e profissionalismo esteve sempre presente, por isso o muito obrigado, e as maiores felicidades para o seu futuro, e se alguma vez precisar de mim sabe que tem aqui um AMIGO.
OBRIDAGO Professor Luis Rasquilha

11:29 da tarde  
Anonymous André Prazeres said...

Penso que é muito preocupante o INP perder um dos poucos professores que contribuia activamente para a formação de profissionais válidos.

Espero que outros existam que possam minimizar este impacto, para bem do INP.

Felicidades,1 Abraço e 1 Obrigado!!

5:39 da tarde  

Enviar um comentário

Direccione-me

Criar uma hiperligação

<< Home